Avançar para o conteúdo principal

Nascer como mãe... Crescer como mãe...

Olho para as fotos do primeiro aniversário do meu filhote  e vejo que hoje estou muito, muito diferente daquilo que era no ano passado, no primeiro dia que o tive nos meus braços. Nesse dia não foste apenas tu que nasceste, meu filho... Nasci eu também num novo papel que nunca mais se dissociará da minha pele, do meu ser, passe quanto tempo passar desde esse dia. Ok, digam-me vocês que este pode ser o maior cliché do mundo... Mas sim, a mãe nasce no exacto momento em que o seu bebé nasce. E nasce também um pai nesse mesmo instante. Um abraço protector sobre mãe e filho para caminhar lado a lado na aventura que agora começa. Nasce uma família, um núcleo protector e de união. E inicia-se a caminhada a três, umas vezes mais fácil, outras nem tanto, mas com a certeza de se que será feita ao melhor ritmo para todos, ditado agora pelos pequenos pés de um ser que ainda desconhece a maior parte do mundo mas que, a seu tempo e sem pressas, passará a conhecê-lo como as palmas das suas (ainda) pequenas mãos...

E segue-se um crescimento feito a três... Todos os dias sinto que cresço um pouco mais como mãe. Todos os dias sinto que estou um pouco diferente de ontem. E todos os dias sinto que escolhi a pessoa certa para fazer esta caminhada e para mostrar o mundo a este pequeno pirata que já corre a casa toda, que ainda sem palavras totalmente perceptíveis já nos vai mostrando de que é feita a sua personalidade, que gosta de música e que me preenche o coração mesmo quando há um choro eminente.

Todos os dias cresço como pessoa e como mãe. Todos os dias desejo ter um pouco mais de tempo para esta família que tento que seja alimentada todos os dias com muito amor e com muita partilha. Nem todos os dias são fáceis, nada disso... Tenho assim um feito de escorpião meio escondido que tem momentos em que surge... Mas todos os dias faço o meu trabalho interior para que o novo dia seja melhor do que o anterior. Que as boas experiências façam parte, todos os dias, da realidade do meu filho. E que todos os dias olhe para o homem ao meu lado com o mesmo carinho do primeiro dia...

Meu pequeno bebé no teu cavalinho de baloiço, asseguro-te que este crescimento a três me torna, a cada instante, melhor do que antes. Mais dedicada. Mais focada. Mais apaixonada. E mais certa que o rumo que tomamos é o melhor para todos... De coração!


Da festa do primeiro aniversário... Copos do tema cavalinho de baloiço da marca Ginger Ray UK e topper para bolo, tudo na Party & Bite

Foto by Happy Mom descomplicda

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Dicas e sugestões... Tornar o Dia do Pai mais especial!

É impressionante como ainda ontem estávamos a comemorar a entrada no novo ano e já andamos por aqui a pensar nas sugestões mais engraçadas para o Dia do Pai. O ano avança bem rapidamente e já é tempo de pensarmos no miminho que os nossos filhos vão dar ao homem que escolhemos para pai deles. Enquanto os nossos filhotes ainda não conseguem ter voto na matéria e sugerir aquilo que querem oferecer ao pai, cabe-nos a nós, verdadeiras mães malabaristas do século XXI, abraçar mais esta tarefa e descobrir aquela lembrança que vai tornar o Dia do Pai mais especial.
Sou apologista que não devemos comprar nada apenas porque sim. Existem homens que não ligam muito a ofertas e a prendas, outros que são esquisitos e que parecem não gostar de nada, outros ainda que se fecham em copas quanto ao que gostam ou ao que precisam e existem ainda aqueles que não gostam destas "mariquices" (como eles próprios lhes chamam) das lembranças do Dia do Pai que acabam por ficar fechadas numa qualquer ga…

My Little Love: A vossa festa com amor!

O mês de Maio é um mês muito doce no que toca a comemorações aqui em casa. O próximo mês de Maio assinala o primeiro aniversário do meu casamento e o segundo aniversário do meu filhote. Apesar de ainda faltarem dois meses para o dia da festa, por aqui os preparativos já começaram. A checklist da festa de aniversário já está impressa. Já se começou a pensar nas possíveis lembranças para os amiguinhos e já andámos a espreitar as lojinhas de artigos de decoração para ver as novidades. 
Mas festa que é festa, daquelas para ser memorável, pede a ajuda de quem conhece o mundo das festas e da organização de eventos melhor do que ninguém. E é assim que vos venho falar da My Little Love. Se procurarem por organização de festas de aniversário, a oferta é imensa por essa Internet fora. Ao escolherem quem estará a colorir a vossa casa para um dia especial deixo-vos a dica de procurarem alguém com quem tenham criado empatia facilmente. A My Little Love tem como lema "divirtam-se que nós trat…

Natal guloso do baby boy

Todos nós sabemos que, nesta quadra, abundam os doces e os docinhos nas mais diversas formas e com crianças pequenas devemos ter alguns cuidados especiais quanto à alimentação. No livro "Deixe-os comer terra", de Brett Finlay e Marie-Claire Arrieta (de que já vos falei neste post sobre vacinas e neste post sobre o desmistificar do contacto das crianças com os micróbios no dia-a-dia), os autores recomendam que se mantenha o açúcar dado às crianças numa quantidade mínima pois "um bebé guloso vai, provavelmente, tornar-se uma criança gulosa", para além de que "quanto menos açúcares refinados o bebé ingerir, melhor, tanto para ele como para os biliões de micróbios que se deleitam com tudo o que termina na barriguinha dele". 
Desde que introduzi a alimentação complementar ao meu pequeno pirata, agora com 19 meses, que a preocupação com alimentos açucarados ou demasiado processados tem sido constante. Sinal disso, foram os livros que vieram viver cá para casa:…