Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2017

Já pensaram no vosso calendário do advento?

Termina hoje o mês de Novembro e inicia-se amanhã o último mês do ano. Dezembro. Mês do Natal, dos presentes e de convívios prolongados em família. Os últimos 31 dias do ano em que fazemos a revisão do que passou e em que começamos a idealizar o novo ano que já está aí à porta.
No dia 1 de Dezembro, em muitas casas portuguesas e não só, começa a utilizar-se o calendário do advento. Para os mais distraídos, o Advento corresponde, no calendário católico, aos dias que antecedem o Natal e tem a sua origem nos Luteranos da Alemanha e na sua contagem decrescente até à Véspera de Natal, através de um risco de giz ou com uma vela acesa. Mais concretamente, para esta contagem, assinalam-se os quatro domingos que antecedem o Natal e esses são os chamados Domingos do Advento. Para a maioria de nós e fruto do consumismo tão associado a esta quadra, associamos o calendário do advento a pequenas janelas de onde, durante 24 dias, retiramos um pequeno chocolate para adoçar o nosso dia. Mas será que …

Vamos partir naquela estrada (ou nuvem!)... Mas sem complicações!

Em dias de calor no verão passado e com a ajuda de uma amiga, escrevi um post sobre viagem de aviões que chamei de "Anda comigo ver os aviões". Nesse post, juntei um conjunto de dicas para viajar de avião com bebés, fruto da minha experiência de viajar com o pequeno baby tinha ele três meses quando me aventurei numa viagem com direito a escala! Juntei as minhas dicas de mamã de primeira viagem à experiência de quem já voa há algum tempo e assim nasceu um post cheio de dicas espero que tenham sido úteis. 
Mas ao ler sobre Montessori, fiquei curiosa como seria viajar com os mais pequenos seguindo esta forma de estar (sim, para mim Montessori é uma forma de estar enquanto família). E aqui fica aquilo que descobri e que agora partilho convosco.

Simone Davies, autora do blog The Montessori Notebook, escreve-nos sobre as viagens com crianças que "nunca é possível manter uma criança pequena sossegada por muito tempo. Mas actividades podem entretê-los durante alguns minutos, e…

Viciada em organização? Eu...?

Há uns tempos escrevi sobre como me organizo e chamei-me a mim própria uma planner freak. Sim, é verdade... Confesso que ando sempre em busca de estratégias que façam sentido para me organizar, seja em casa ou no trabalho. Sou a rapariga que tem caderninhos para anotar tudo e mais alguma coisa mas parece que existe sempre mais alguma coisa para melhorar... Parece que a receita infalível para me organizar ainda não a descobri. Todos os locais valem para encontrar inspiração e a internet acaba sempre por ser um bom local para procurar dicas...
Um dos primeiros blogs que descobri sobre dicas de organização e de produtividade foi o Vida Organizada da Thais Godinho. Para quem for fã de estratégias de organização para as diferentes áreas da nossa vida (família, trabalho, rotinas de casa), sem dúvida que este blog funciona quase como uma bíblia da organização. Foi também por aqui que descobri o método GTD ou Getting Things Done criado pelo americano David Allen (aqui podem descobrir o site …

Simplificar a organização do quarto dos mais pequenos? Sim, é possível!

Quando vamos ser mães, principalmente se for de primeira viagem, acho que uma das nossas maiores preocupações é termos o quarto do bebé pronto o quanto antes. Passamos a ter muita atenção a tudo o que é loja de decoração, seja física ou online, e começamos a pensar em quais poderão ser as melhores soluções para conseguirmos acomodar todas as roupas e novos acessórios que irão entrar em nossa casa como uma verdadeira revolução... Para melhor!
É nestes momentos que todas as ajudas são muito bem vindas. Seja de amigos que já têm mais experiência do que nós ou vendo quem possa até ter uma perspectiva mais profissional sobre o assunto. Então e agora pergunto-vos... Já conhecem a Home so Simple? A Home so Simple é uma equipa que nos promete fazer ganhar tempo em questões de arrumação e disponibiliza diversos serviços, sendo que há um que é particularmente importante para os futuros papás, que é o Kids & Babies, especialmente dedicado a organizar o quarto dos mais pequenos. A Home so Si…

Happy Mom descomplicada e Speech in love: boas energias juntas!

Já por diversas vezes, partilhei convosco que este mundo virtual de blogosfera, Facebooks, Instagram e afins tem boas supresas à nossa espera. Existem pessoas que escrevem por detrás de um ecrã como eu e que têm os mesmos gostos, os mesmos objectivos... Os mesmos sonhos e a mesma vontade de ajudar quem precisa. Nem tudo é mau neste mundo virtual e se estivermos atentos, vamos conseguir conhecer pessoas cheias de boas ideias e carregadas de energia para as colocar em prática. E quando é assim, o que vale mesmo a pena é juntar sinergias, não é verdade?
Olhando para o tempo que passou desde que criei o blog, posso dizer-vos que já são bastantes as pessoas especiais com que me cruzei... Existem pessoas por aí que olham as crianças de uma forma positiva, acreditando nas suas capacidades e no desenvolvimento da sua autonomia. Pessoas que encaram o desenvolvimento da criança de uma forma que se calhar a maioria das pessoas não está habituada e que nos faz questionar as opções e pensar sobre…

Descomplicar todos os dias

Ao longo da nossa vida, os nossos gostos mudam. Adoramos passar a tarde inteira nas compras e depois deixamos de gostar (sim, homens... é possível existirem mulheres que não gostam de passar o fim-de-semana inteiro nos centros comerciais às compras). Adoramos andar de ténis e depois, de um dia para o outro, passamos a fazer dos sapatos de salto alto uma continuação das nossas pernas. Odiamos sushi e depois passa a ser uma das nossas comidas peferidas (sim, true story... aconteceu comigo...). Poderia dar aqui muitos mais exemplos mas acho que vocês já estão a perceber a ideia...
Muitas destas mudanças, mais ou menos radicais, acontecem quando surge um pequeno bebé na nossa vida. Passamos a desvalorizar certas coisas para tomar outras como a nossa primeira e única prioridade. O nosso cérebro (principalmente o das mulheres mas também o dos homens) passa por enormes mudanças com a chegada do momento de seremos pais e a nossa forma de estar perante a vida passa a ser outra. De forma mais …

Os mais pequeninos podem cozinhar?

Claro que sim! Não podemos esperar que sejam grandes chefs desde o início mas podemos deixá-los explorar a cozinha ao nosso lado, enquanto preparamos as refeições da família e sempre garantindo a sua segurança. Publiquei no Facebook, como sugestão de prenda de Natal para os mais pequenos, este kit DUKTIG da IKEA e que pode ser muito útil para que eles ganhem o entusiasmo pela cozinha, em segurança e com objectos adaptados às suas pequenas mãos e promovendo o desenvolvimento da sua motricidade e coordenação. 

Deixar os mais pequenos tocar, experimentar, mexer com as suas próprias mãos é fundamental para desenvolver as suas capacidades. Se os observarmos com atenção (pelo menos acontece com o meu filho), a vontade de ajudar e dos nos imitar está lá. Por isso porque havemos nós de os impedir de o fazer? A ideia pré-concebida de que as crianças não podem mexer nem fazer nada tem de abandonar os nossos pensamentos para que não os impeçamos de crescer ao seu ritmo e de perceber que existe …

Ainda sobre o parent shaming: a amamentação

Há uns dias escrevi sobre parent shaming e sobre a forma como alguns pais parecem atacar outros quando falam sobre as opções que seguem para os seus filhos, seja quando se fala de escola, de alimentação ou de qualquer outro assunto. Conforme escrevi nesse post, faz-me muita confusão como existem tantos entendidos sobre todos os assuntos relacionados com a maternidade/parentalidade e como existe tanta falta de bom senso quando são abordadas as escolhas que determinada família fez para lidar que a pequena cria que estão a cuidar. Perde-se tanta energia boa nestas picardias desnecessárias e que podia ser canalizada para fazer tantas coisas boas... Enfim...
E na publicação que fiz no Facebook sobre o parent shaming, claro que surgiu um dos temas que mais divergências origina... A amamentação e a utilização de leite artificial. 

Sim, quando se fala em opções da família, a amamentação é sempre um dos assuntos mais controversos. Se assistirmos às conversas entre mães que se passam no mundo …

Happy Mom descomplicada e Academia da Joana - Parceria

As crianças são mesmo o melhor do mundo, não são? E num mundo a correr andamos sempre à procura de actividades diferentes que lhes possamos proporcionar... Já para não falar de um local simpático para as suas festas de aniversário. 
A Joana dedicou-se a este mundo dos mais pequenos e criou a sua Academia da Joana onde desenvolve um conjunto de actividades especialmente para os mais pequenos, concentrando-se em oferecer ao mercado novos conceitos e novas abordagens no universo infantil. Aqui, trabalhamos para as crianças, para que a sua experiência com os nossos materiais seja vivida ao máximo e que dela retirem conhecimento, prazer, criatividade e imaginação. A Academia da Joana faz um extenso uso de massas de modelar, consideradas as melhores do mundo, por serem mais seguras, leves e moldáveis, entre outras características. Desenvolve ainda várias atividades, trabalhos manuais, formação, reciclagem, novos materiais, produtos diversos, criações artística para todas as idades. Desenv…

Costumam agradecer todos os dias?

Desde que engravidei, que passei a encarar a palavra gratidão de uma forma diferente. Desde que vi as duas risquinhas cor-de-rosa e de que tive a confirmação de que dentro de mim estava a crescer uma vida, passei a tornar-me ainda mais grata pelo que vou alcançando todos os dias. Sem pressas. Sem demasiadas exigências. Apenas a vontade de ser feliz e de criar o meu filho no ambiente de serenidade e de partilha.
Como vos contei neste post, no sábado realizou-se o encontro "Famílias Montessori", organizado por mim e pela Casa Capaz. O fio condutor? Montessori. A vontade? Partilhar dúvidas, questões, formas de estar de famílias que tenham este gosto comum por Montessori ou que estejam ainda a descobrir um mundo destinado aos nossos pequenos mais que tudo! O blog e Montessori têm-me permitido entrar em contacto com pessoas muito especiais e que me têm demonstrado que é possível a partilha sem julgamentos, sem críticas dissimuladas entre elogios. 
E por isso estou muito grata pe…

Mimar pode ser descomplicado!

Todos nós sabemos que uma das melhores formas de mimarmos as nossas pessoas é preparando pequenos miminhos doces que encham a nossa casa daquele aroma de comida feita com o coração. Não existe nada melhor do que chegar a casa e sentirmos aquele aroma de bolinho acabado de fazer. Hum... Quem não adora isto?
Mas depois, todos sabemos que nem sempre cozinhar ou fazer um bolo é a tarefa mais simples de mundo. Mais descomplicada. Ou aquela em que se suje menos loiça. É por isso que estou cada vez mais fã dos bolos na caneca. Rápidos de fazer. Saborosos. Muito descomplicados... E que preenchem o nosso coração na hora do lanche! Depois de ter comprado a revista Continente Magazine de Novembro com diversas receitas fáceis de fazer na caneca, tenho feito algumas experiências de bolos na caneca (como a do muffin na caneca de banana, amêndoa e côco que a Healthy Bites publicou na sua rubrica "Na cozinha com..." ou o muffin de alfarroba e côco que publiquei no Instagram - quanto a este…

E chegou o dia do encontro "Famílias Montessori"!

É verdade... Como o tempo passa a correr e eis que chega o dia do encontro organizado por mim e pela Casa Capaz: "Famílias Montessori". Parece que ainda foi ontem que fui pela primeira vez a este local tão simpático e sereno para falar sobre a possibilidade de organizar um encontro mais informal para falar sobre Montessori... E eis que é chegado o dia em que tudo vai acontecer!
Quando li o livro "Educar com o coração" (Verso de Kapa) da Cristina Tébar (blog Montessori en casa), houve uma passagem que despertou bastante o interesse e que agora transcrevo:
"Crie ligações com outras famílias Montessori, com as quais possa partilhar tanto as vitórias como as frustrações. Ter uma pequena "tribo" é sempre uma ajuda! Se não pode fazê-lo num plano real, incentivo-o a fazê-lo virtualmente. Uma das grandes vantagens da internet é que permite a aproximação de pessoas com interesses comuns, ainda que estejam a muitos quilómetros de distância. Durante bastante t…

Trabalho, família... Difícil de conciliar?

Família. Trabalho. Azáfama do dia-a-dia. Agendas carregadas. Uma interface. Uma fronteira.
Conflito. Enriquecimento. Balanço. Conciliação. Quatro palavras para caracterizar uma única realidade.
A relação entre as pessoas, a sua família e o seu trabalho é, provavelmente, uma das questões em parentalidade que mais tinta faz correr. Olhamos para os países da Europa de Norte e quantas de nós não gostaríamos de ter licenças de maternidade mais prolongadas como por lá, podermos ter escolas como aquelas que encontramos por lá e ter as estruturas de apoio às crianças que estes países possuem para podermos viver a nossa realidade de mulheres trabalhadoras de forma diferente.
Pois, num mundo ideal a realidade de lá estaria também por cá e não teríamos mulheres, que trabalham por conta própria, a regressar ao trabalho passado muito pouco tempo dos seus filhos terem nascido. Porque a capacidade financeira nem sempre é a melhor e a rede de apoio, a aldeia necessária, também é cada vez mais inexistente n…

Baby Led Weaning e Montessori... Será que se relaciona?

Para quem acompanha o blog e a página do Facebook, sabe que muitas das minhas partilhas são sobre Montessori, esta forma especial de olhar o crescimento e o desenvolvimento da criança caminhando ao seu lado e promovendo a sua autonomia e autoconfiança. Estou muito longe de ser uma mãe puramente Montessori mas muito daquilo que este método nos ensina faz sentido na minha caminhada enquanto mãe e faz sentido na minha família. 
Há uns dias encontrei um post do blog Welcome to Mommyhood - Montessori-inspired living & Learning com o título "Introducing solids: Baby led weaning and Montessori weaning" e não pude deixar de ficar curiosa ver estes dois termos em conjunto. Para quem ainda não ouviu falar de Baby Led Weaning (ou BLW) - termo criado por Gill Rapley, trata-se de uma forma de introdução da alimentação complementar a partir dos 6 meses de vida do bebé, permitindo-lhe, desde cedo, o contacto com os sólidos e as suas texturas. Através desta bordagem, não existem alimen…

Vamos brincar para a mudança?

Hoje comecei o dia com uma publicação no Facebook a recordar os meus tempos de criança, em que brincar na rua fazia parte obrigatória de todas as férias e de todos os fins-de-semana.

Olhando para o mundo de hoje e para o meu mundo de criança, sei que a realidade está longe de ser a mesma. Podem pensar que cresci numa vila pequena e por isso conseguia brincar facilmente na rua. Nada a ver... Cresci na maior cidade do nosso país, bem no seu centro, e consegui saber o que é brincar às escondidas e à apanhada com um grupo grande de miúdos. Tive também a sorte de poder passar os períodos de férias grandes no campo e aí explorar outro tipo de actividades, como cuidar de animais ou ajudar a minha avó materna a plantar a sua horta. São experiências únicas e que nos marcam para vida, determinando a forma como queremos ser pais. A realidade de hoje não é bem assim... O mundo parece (é?) menos seguro do que aquele em que cresci e hoje parece impensável para os pais das grandes cidades deixarem …

Happy Mom descomplicada e Centro Mulher, Filha e Mãe - Parceria

Sabem aquela frase cliché que sempre nos dizem: se não estivermos bem connosco próprias dificilmente conseguiremos estar bem para quem nos rodeia? Enquanto mulheres, a trabalhar ou não, que temos a nossa família mais ou menos grande e que temos os nossos filhotes a quem damos tudo todos os dias, devemos dedicar parte do nosso dia a olharmos e a cuidarmos de nós para que possamos dar o que de melhor temos às nossas pessoas. 
Foi a pensar nisto que eu e o Centro Mulher, Filha e Mãe nos juntámos numa parceria que, esperamos, seja o máximo positiva para quem nos acompanha. Falando um pouco mais sobre o Centro, a sua principal missão é promover o bem-estar emocional na preconceção, gravidez e pós-parto através da disponibilização de diferentes serviços como consultas individuais e sessões de grupo, de que destaco os encontros para grávidas, casais e famílias através de formação e de tertúlias. Através do blog da Happy Mom descomplicada, podem ter acesso aos seguintes vouchers para os serv…

Organização por uma planner freak

Planner freak aqui me confesso. Gosto muito de organizar e de planear e ando sempre à procura da melhor forma de nada escapar e de nada ficar por fazer. Comigo funcionam bem as checklists em que vou escrevendo as diferentes tarefas que tenho para fazer para que não me diete na cama à noite e tenha aquela epifânia tipo filme em que batemos na testa porque nos esquecemos de alguma coisa... A quem nunca aconteceu isto?
No outro dia partilhava na página do Facebook do blog, algumas sugestões de organização e lembrei-me de escrever um pouco mais sobre a forma como organizo o meu dia-a-dia de mulher, mãe, trabalhadora e estudante! Nesta foto, estão os planners que tenho para me organizar, quase todos eles da Stradivarius. Faltam ainda dois cadernos (trabalho/doutoramento) para escever um pouco mais sobre o que vou fazendo mas achei que com estes já dá para ter uma ideia. Espero que estas dicas vos possam ser úteis!


CASA Para organizar as rotinas cá de casa, e principalmente organizar as eme…

Porque o Natal está a chegar...

... e porque podemos levar mais longe as partilhas sobre parentalidade positiva com as pessoas que nos são mais próximas, partilho convosco esta oportunidade de oferecerem um presente diferente.


Numa parceria com a Verso de Kapa, podem adquirir os livros "Parentalidade positiva" do Pedro Stretch e o "Quando o cérebro do seu filho vai à escola" de Alexandre Castro Caldas e Joana Rato.
Os valores indicados possuem já 10% de desconto e os portes de envio para Portugal Continental são uma oferta da Happy Mom. Para adquirirem, basta enviarem e-mail para cronicashappymom@gmail.com ou através de mensagem na página de Facebook do blog.

Muito obrigada à Verso de Kapa por esta oportunidade de poder partilhar esta paixão pela parentalidade com outras pessoas!

Um dia carregado de significado

Dia 11 de Novembro. Tantos significados num único dia apenas podem deixar alguém de coração cheio.
É o dia de mais um aniversário meu. O meu filhote faz 18 meses. Passam seis meses desde o dia em que disse "sim" para sempre.
(Foto 4Memories)
Tantas coisas num único dia só pode ser bom, não é verdade? Todos devemos ter dias assim nas nossas vidas. Com boas energias, com a família por perto e com o sentimento de que tudo está a valer a pena. Assim, é o meu dia 11 de Novembro... 
E esta fotografia é uma das minhas preferidas de nós os três... Sem rostos mas carregada de significado, de amor e de união!

A ajudar na autonomia do bebé cá de casa

Lembram-se do post que partilhei com dicas de como construir um ambiente preparado em casa na cozinha e na casa-de-banho? Pois bem, aquelas eram sugestões,  dicas para quem tem curiosidade sobre o mundo Montessori ou que apenas queira tornar as difeeentes partes da sua casa um pouco mais amigas das crianças.  Mas se vocês forem como eu, devem ter sempre curiosidade em saber como é que quem escreve num blog acaba por fazer este tipo de coisas em sua casa. Somos seres humanos curiosos, não é verdade?
É inegável com o ikea consegue mesmo ser o nosso melhor amigo quando queremos fazer pequenas mudanças em casa. E por isso, é claro que foi aqui que encontrei duas soluções simpáticas para tornar a rotina diária da higiene do meu baby boy mais fácil para ele, proporcionando-lhe autonomia agora que tem 18 meses. 
As nossas casas estão feitas para os adultos.  Tudo está a uma escala demasiado grande para os mais pequenos. Juntamente com a sua vontade de serem independentes e de fazerem por si…

Parent shaming... Já ouviram falar?

Parent shaming... Um nome estrangeirado que, à primeira vista, podemos pensar que é mais uma coisa esquisita que alguém se lembrou de inventar. Mas olhem que está bem presente todos os dias...
Escrevi, sobre o livro "Educar com o coração" da Cristina Tébar (Montessori en casa), que este livro tinha tido a capacidade de mudar a forma como olhava para alguns aspectos da minha vida e do dia-a-dia. Verdade seja dita, acho que foi a primeira vez que enchi um livro de post its a assinalar aquelas passagens que sei que irei ler mais tarde e adaptar aos diferentes momentos do tempo em família. Posso não ser uma seguidora purista do método Montessori mas existem pequenas coisas faladas neste livro que valem a pena ser revisitadas, em diferentes momentos, para nos fazer desacelerar e voltar a ter um passo mais de maternidade a passo de caracol. 
Uma das passagens que assinalei no livro foi a parte em que a autora ajuda a desmistificar a ideia que muitos pais têm de que "não estou…

Será que um livro tem a capacidade de nos mudar?

Sim... Eu acho que sim! Nas diferentes fases da nossa vida, existem pequenos momentos, locais ou pessoas que têm a capacidade de deixar a sua marca e mudar-nos de forma mais ou menos expressiva. Faz parte do nosso crescimento, da nossa evolução enquanto pessoas. Umas vezes, quase nem nos damos conta dessas mudanças. Outras vezes, ela surge como uma verdadeira tempestade que nos mexe com os alicerces e nos mostra que o caminho a seguir a partir daí é outro completamente diferente.Ter descoberto o homem da minha vida mudou-me para sempre e para muito melhor! Ter sido mãe claro que mudou a minha forma de ver o mundo! Estas devem ter sido as duas maiores mudanças que tive nos últimos anos. Mas depois surgem as pequenas mudanças do dia-a-dia, aquelas que nos fazem um pequeno clique, mas que nos mostram que há um caminho diferente a seguir.Recentemente, terminei a leitura do livro "Educar com o Coração" da Cristina Tébar do blog Montessori en Casa e editado pela Verso de Kapa. Não…